sexta-feira, 3 de abril de 2015

Na "Geral" é um Extra para o delírio dos Cornos Mansos.

"Quem trai perde..." Fique atento!

Quem trai, perde

em companheirismo




Quem trai, perde

em brincadeiras cornais




Quem trai, perde

em cumplicidade




Quem trai, perde

em romantismo




Quem trai, perde

em possibilidades





Quem trai, perde

em receber carinho de quem te ama




Quem trai, perde

porque é  





Quem trai, perde

cenas maravilhosas






Quem trai, perde

o amor do companheirismo












quinta-feira, 2 de abril de 2015

Comedoras de maridos

Comedoras de maridos, muitos maridos sonham em ter uma esposa disposta a comer cuzinho de macho e os que já tem uma esposa comedora, adora quando elas penetram o vibrador para dentro do cuzinho.
Maridos assim que adoram dar a bunda para a esposa, deixem seus relatos, sobre o prazer que sentem ao dar a bundinha para a esposinha.   













Cornos bissexuais

Um corno assumido e bissexual adora encontrar um homem comedor para a companheira e para ele também.
Quando encontra este tal homem comedor, o corno bissexual não mede esforços para deixa- lo satisfeito, neste esforço ele veste roupas femininas, usa lingeries e calcinhas e assim se transforma em uma fêmea submissa prontinha para dar prazer ao homem comedor juntamente com a companheira. 
Cornos bissexuais assim, comedores que gostem de "traçar" um marido corninho e esposas que amam ver seus companheiros se transformando em uma fêmea, participem do site deixando aqui seus relatos.














Casal bi à procura de dotados

Esta é minha noivinha muito gostosa e safada, estamos a  á procura de dotados para comer o casal somos ambos bi, gostamos de ser submissos, e sermos escravos sexuais, so entre em contato se vc. se enquadrar no perfil, lembre-se que vc. terá que comer o dois, nos fazer de putinha. somos um casal ambos bi que topamos de tudo, somos tarados e loucos por uma pica grande grossa.

deivideesposamorena@gmail.com 










Conto: Esposa puta dos negros

Conto enviado pelo leitor.
Olá, me chamo Fabiano, tenho 36 anos, sou casado á 8 anos com 
Claudia de 32 anos.
Bom, tenho um amigo chamado Rubens, um negão alto forte e muito gente boa, somos amigos desde a infância.
Antes de me casar com Claudia mais ou menos quando eu tinha uns 20 anos, andei dando minha bunda para meu amigo, ele vinha me visitar trazia calcinhas e sainhas me xavecava eu não resistia, então vestia a calcinha e a sainha e ele meu amigo comia minha bunda me chamando por nome de mulheres que ele achava gostosa, passei mais de dois anos sendo mulherzinha do meu amigo.
Quando finalmente conheci Claudia e me apaixonei pensei em parar de dar meu bumbum para o meu amigão, certa vez ele chegou em minha casa com as calcinhas e as sainhas, falei para ele que  não iria mais dar a bunda pra ele, pois estava namorando e apaixonado, ele pediu para ver uma foto da minha namorada, mostrei a foto e o safado elogiou dizendo que ela era muito linda e gostosa.
Ele então tirou toda a roupa ficando peladão na minha frente e começou a pedir para comer meu cuzinho pela última vez, concordei vesti a calcinha a sainha encostei na parede, ele chegou por trás de mim levantou a sainha, puxou a calcinha pro lado, lubrificou o pau e começou a enfiar no meu cuzinho, o safado começou a comer minha bunda e começou a me chamar pelo nome da minha namorada, comecei a gostar e muito, pedi para ele tirar o pintão gostoso da minha bundinha, coloquei um sutiã, me deitei na cama de bunda para cima, pedi para ele colocar a foto da minha namorada no elástico do sutiã em que eu estava vestido, ele assim fez, e em seguida meteu o pintão no meu cuzinho, ele me comia, me chamava de Claudia, dava tapas na minha bunda me chamava de puta, vadia, biscate e me perguntava quando eu iria liberar minha namoradinha para ele comer, gozei muito gostoso ouvindo tudo isso, ele deu três na minha bunda olhando a foto da minha namorada.
Mas depois disso nunca mais dei para meu amigo, namorei Claudia por 6 anos e depois me casei com ela, meu amigo sempre que me encontrava me xavecava para comer agora a minha esposa, eu dizia que não, ele pedia para me comer e eu também negava.
Mas depois depois de um certo tempo comecei a gostar da ideia de ser corno, aos poucos fui convencendo a minha esposa, quando ela finalmente aceitou a ideia de transar com outro na minha frente eu disse que já tinha o comedor, que era o meu amigo Rubens ao qual ela conhecia muio bem, ela adorou a ideia e ainda disse que adoraria, disse que  morria de vontade de dar para ele, me confessou que certa fez ele a xavecou na tentativa de come-la, mas ela disse não e ainda ficou brava com ele.
Bem encontrei com o meu amigo, falei que o deixaria comer minha mulher, mas pedi sigilo absoluto sobre a época em que eu vestia sainha e calcinha e dava a bunda para ele, e assim fizemos.
Agora tem cinco anos em que ele é o comedor da minha Claudia, ele é muito safado e tarado ele devora minha mulher, toda vez que ele come o cuzinho da minha mulher ele olha para mim insinuando se eu não gostaria de estar no lugar da minha esposa, mas eu nunca mais dei a bunda para ele, não sinto mais vontade.
Um dia desses ele estava em nossa casa, e começou a falar sobre um amigo dele um tal de Anderson, disse que era um negão muito gente fina e bacana, disse que contava para o tal Anderson que ele comia uma casada na frente do marido á cinco anos.
Puta merda fiquei bravo pra caralho com o meu amigo, ele e minha esposa foram me acalmando, então meu amigo continuou a conversa, disse que o tal Anderson ficava louco quando ele contava sobre a casada que ele comia na frente do marido corno, dizia que adoraria nos conhecer e também comer a minha mulher.
Minha esposa começou a gostar da ideia, dizia que não era uma má ideia ser puta de dois negros, depois de me convencer resolvemos conhecer o tal Anderson.
O cara realmente é legal, ficamos amigos e ele agora também come a minha Claudia.
Espero que gostem do meu relato e segue fotos da minha Claudia sendo puta dos negros, abraços! .